Ministério Público considera que diminuiu o perigo de perturbação do inquérito. José Sócrates saiu da cadeia de Évora, esta sexta-feira, quando faltavam cerca de 20 minutos para as 20h.