Doutoramentos

Todos os tópicos

  • Portugal e Argélia assinaram nesta quinta-feira um memorando de entendimento para fomentar a colaboração no ensino e investigação, ao abrigo do qual 10 estudantes de doutoramento argelinos virão já em Setembro para instituições portuguesas.

  • Esta visualização tem como base os doutoramentos realizados ou reconhecidos em Portugal entre 1917 e 2010. A recolha e compilação dos dados foram feitas no PÚBLICO no âmbito de um projecto de investigação em jornalismo computacional (REACTION). Os dados podem ser visualizados, consoante o ano, área científica, sexo do doutorado ou universidade. Esta base de dados poderá ser actualizada sempre que existam novos registos.

  • Duas mulheres doutoradas por ano foi um recorde até aos anos 1970, quando um doutoramento era um passo para a carreira académica. Hoje, mais de metade dos recém-doutorados são mulheres, mas o problema já é outro: que passo dar a seguir? Uma lista de registos dos doutorados entre 1917 e 2010, compilada no PÚBLICO, mostra o que mudou em 93 anos

  • João Manuel Cotelo Neiva, 96 anos, é o mais velho doutorado em Portugal. Obteve o diploma em Geologia, em 1944. 

  • Raquel Soeiro de Brito foi uma das primeiras mulheres a obter um doutoramento em Portugal. Conseguiu o diploma em Geografia em 1955, dois anos antes da erupção do vulcão dos Capelinhos lhe dar a sua primeira grande experiência no terreno, o lugar onde gosta mais de estar.